fechar
...

Muito mais do que um armário de gelo

DIA-A-DIA
12.3.2020
Hoje em dia, possuir refrigerador e freezer é algo comum, assim como muitos outros eletrodomésticos. Mas, antigamente, as pessoas eram muito mais limitadas em relação ao armazenamento de alimentos. A maioria dos alimentos (preparados) tinha que ser consumida imediatamente. Caso as pessoas quisessem preservar algum alimento por um período mais longo, elas tinham que secá-lo, defumá-lo, colocá-lo em potes ou latas ou simplesmente fazer uma geleia. Assim, durante muito tempo, as pessoas simplesmente não contavam com refrigeradores e freezers. E mesmo quando eles surgiram, a maioria não podia pagar pelos modernos armários de gelo.

O negócio de fazer gelo
Nesse meio tempo, surgiram os negócios de fabricação de cubos de gelo. As pessoas compravam de comerciantes grandes pedaços de gelo (principalmente importados), que eram então colocados em uma caixa, uma espécie de ancestral do freezer de hoje, e armazenavam os alimentos junto. Como não havia resfriamento externo, o gelo derretia da maneira natural e, em algum momento, chegava a hora de comprar um novo pedaço de gelo.

Caixas multifuncionais
Avançando algumas décadas, podemos ver novos tipos de caixas. Um refrigerador moderno também inclui um freezer. Ao escolher um aparelho desse tipo, deve-se levar em consideração dois critérios muito importantes - quanto se tem de espaço em casa e quanta comida se deseja armazenar dentro dele.
O fato é que um refrigerador moderno mantém o alimento fresco por mais tempo. Isso é importante porque os alimentos frescos são mais saborosos e ricos em valor nutricional.

Existem várias tecnologias que também ajudam a preservar o frescor. O chamado CrispZone preserva por mais tempo o frescor das frutas, verduras e legumes por meio de temperatura baixa, de controle automático de umidade e de uma iluminação especial chamada VitaLight. A VitaLight mantém ativo o processo natural de amadurecimento para reter vitaminas e manter frutas, legumes e verduras - comprados ou que acabaram de ser colhidos - com seu frescor e crocância naturais por mais tempo. Até mesmo a umidade é monitorada e controlada de perto. A tecnologia SmartHumidity mantém a umidade no interior da gaveta sempre no nível ideal, graças a uma membrana especial que libera automaticamente o excesso de umidade.

A ordem dos alimentos
Você sabia que existe uma certa ordem de como os diferentes alimentos devem ser armazenados dentro de um refrigerador? Para simplificar, preparamos um pequeno guia. Normalmente, a temperatura no interior de um refrigerador aumenta de baixo para cima. Primeiro, pense nos alimentos que precisam ser tratados termicamente de alguma forma (cozidos, assados etc.) para serem consumidos - eles devem ser colocados nas zonas de temperatura mais baixa do refrigerador. Os alimentos que podem ser consumidos imediatamente, sem nenhum tipo de preparo (e também os alimentos crus), podem ser colocados nas zonas mais quentes. Mesmo entre os alimentos que precisam de cozimento, deve haver uma hierarquia semelhante. Coloque os alimentos que precisam ser cozidos a temperaturas mais elecadas nas zonas com temperaturas mais baixas do refrigerador. Ou... você pode optar pelos refrigeradores Gorenje que possuem a tecnologia IonAir com MultiFlow 360°, que garante a mesma temperatura em todas as zonas e prateleiras do refrigerador, lançando e circulando ar ativamente no interior do aparelho. Simples né?
Guardiões de vitaminas: Refrigeradores IonGeneration

Embora não sejam utilizados para cozinhar, os refrigeradores Gorenje são o coração de toda cozinha. Eles são encarregados de uma missão simples - assegurar que seu alimento favorito esteja sempre disponível. Mas os refrigeradores Gorenje podem fazer muito mais. Eles possuem tecnologias inteligentes para imitar as condições semelhantes às encontradas na natureza, o que mantém os alimentos frescos, saborosos e cheios de nutrientes vitais por mais tempo.

Você também pode gostar: